Móveis Escolares: Como Escolher Corretamente?

Saiba como escolher corretamente os móveis escolares…

Já foi o tempo em que chegávamos na sala de aula e a mesa em madeira maciça, com cadeira do mesmo material, era usada por dois alunos ao mesmo tempo. Sim! Dois alunos! Quem passou dos 40 lembra da mesa feita sob medida para duas pessoas. E a cadeira da mesma forma.

Com uma ranhura de ponta a ponta na parte superior da mesa, para acomodar lápis caneta, borracha…. E assim, desse jeito, interagindo com outra pessoa que você nunca viu, bem ao seu lado, nascia uma bela amizade. Acho que a idéia da mesa dupla tinha esse propósito também.

Entretanto, novos tempos, novas regras.

 

Móveis escolares: como escolher corretamente?

 

 Móveis  Escolares: Como escolher corretamente?

 

Para saber que móveis escolares você pode comprar e ter a “certeza” de que não terá problemas com fiscalização, pais de alunos reclamando e tantas outras questões, é preciso seguir uma norma: a norma ABNT (Associação Brasileira de Normas Técnicas ).

E em se tratando de móveis escolares, é a ABNT NBA 14006, que diz: “Estabelece os requisitos mínimos, exclusivamente para conjunto aluno individual, composto de mesa e cadeira, para instituições de ensino em todos os níveis, nos aspectos ergonômicos, de acabamento, identificação, estabilidade e resistência.”

   
 

E assim, seguindo todas as normas da ABNT, você consegue estabelecer um padrão de móveis para sua escola, e consequentemente segurança, conforto e prevenção de Lesão por Esforço Repetido (LER), muito comum atualmente em alunos, professores e funcionários.

Perigos da Tecnologia

Porém, com o avanço da tecnologia e de tantos dispositivos à nossa mão, principalmente de nossas crianças. Contribuindo para muitos benefícios; todavia, contribui também para todo tipo de doenças articulares.

Desde tendinites nas mãos, até graves problemas na coluna e por aí vai. Esse é um preço a se pagar pelo uso frenético de tanta tecnologia, sem uma fiscalização mais intensa em relação a móveis escolares.

Para evitar isso, foi criado um conjunto de normas de Ergonomia, voltadas para interação humano-sistema e mobiliário. É a ABNT ISO 9241. Com o objetivo de tornar mais seguro, confortável e produtivo para as pessoas que utilizam esses dispositivos de tecnologia da informação, praticamente o dia inteiro.

Conclusão

Cada vez mais, vivemos uma era de grandes avanços e com uma rapidez interminável. As necessidades do homem moderno mudam, a cada nova descoberta. Por exemplo, a internet cada vez mais rápida e ao alcance de todos.

Com esse mundo virtual, em que as pessoas já não precisam mais sair de casa para resolver determinadas burocracias, faz-se necessário uma busca incessante por qualidade de vida.

Hoje, as pessoas ficam mais sentadas do que antigamente, por causa da internet; então, é preciso adaptar o corpo a essa nova realidade. Adaptação com qualidade, conforto e, de preferência com prevenção de futuras doenças.

 

 




Deixe um Comentário